Tempestade com característica de Tornado provoca destruição em Marcelino Ramos

3-21

A população de Marcelino Ramos no norte do Rio Grande do Sul e vizinha de Concórdia, foi surpreendida no início da noite deste domingo (23) por uma tempestade de forte intensidade com características que lembram um tornado.

O tempo abafado, com temperatura elevada no final da tarde, reuniu condições apropriadas para o temporal. Por volta das 20 h nuvens pretas se formaram rapidamente e cobriram os céus da cidade.

A chuva surgiu acompanhada de granizo e de ventos fortes que provocaram medo e deixaram rastro de destruição. Abrigado dentro de suas residências os moradores ficaram impotentes sem esboçar reação e apenas ouvindo o barulho assustador e devastador. O temporal durou menos de 5 minutos e assim que a chuva foi embora a população começou dimensionar os estragos.

A equipe do Portal de Marcelino circulou pelo município e se deparou com cenas de destruição principalmente nos bairros Cruzeiro e 13 de Maio, nas imediações do cemitério. O vento derrubou árvores que acabaram obstruindo a passagem de veículos em vários pontos. Um galho de grande porte, conforme mostram as imagens abaixo, foi parar em cima de um poste de energia da RGE, demostrando a força impressionante do vento.

Na rua José Bonifácio o telhado da sacada de uma casa foi arrancado e o material foi lançado no meio da rua. Ainda no bairro Cruzeiro uma árvore caiu sobre um caminhão que estava estacionado e que pertence a empresa que está trabalhando na obra de pavimentação. Na praça da prefeitura galhos de grande porte caíram e muitos foram arremessados por vários metros nas imediações.

No Santuário de Nossa Senhora da Salette, ao lado do altar campal, um eucalipto foi caiu. Em vários locais as cenas que mais se viam eram de moradores em cima de telhados trocando telhas e colocando lonas. Muitos comerciantes na área central da cidade também registraram prejuízos em razão de danos nos telhados.

1-59

Portal de Marcelino.

Pin It