Moradora toma susto com mais um desmoronamento na rua Norberto Seara Heusi, em Blumenau

O Notícias Vale do Itajaí recebeu no início da tarde desta segunda-feira (19) mais um chamado por conta de um novo desmoronamento na rua Norberto Seara Heusi, no bairro Escola Agrícola, em Blumenau. Mais uma parte do asfalto acabou cedendo e caindo sobre a adutora do Samae, fazendo que os moradores da região fiquem mais uma vez sem o abastecimento de água.

O primeiro desmoronamento ocorreu na madrugada de 22 de junho, quando três mulheres que estavam dentro de um veículo ficaram feridas, já que o carro capotou após o deslizamento do barranco que atingiu também uma pista da via. Desde lá três moradores de uma casa que foi atingida pelo barro estão sem o direito de morar na sua própria residência.

A única coisa feita até o momento foi a implantação de cavaletes pela Guarda Municipal de Trânsito para sinalização do local. Depois disso o que há é apenas mistério sobre a causa do acidente, mas segundo moradores, tudo indica que foi a adutora que estava com vazamento há dias que provocou o deslizamento.


Foto: Jefferson Santos / Notícias Vale do Itajaí

No momento em que a terra e o asfalto cedeu hoje, uma moradora estava indo a caminho do ponto de ônibus e contou que levou um susto enorme. “Eu fechei o portão e estava indo para o ponto de ônibus e só ouvi o barulho de tudo caindo. Levei um susto. Isso aqui está muito perigoso, não fizeram nada, só colocaram os cavaletes e ainda quando dá vendo eles caem. A Prefeitura esqueceu isso aqui e está deixando a gente preocupado, se chover vai piorar.” comentou a moradora Marilene Rodrigues Felsky.

A Prefeitura informou o NVI que na primeira semana de agosto daria início ao trabalho de recuperação, mas até o momento nenhuma máquina esteve no local. Ainda esta semana nós traremos mais informações sobre a situação dos moradores, que estão aguardando uma resposta das autoridades.

Jefferson Santos / Redação NVI

Pin It