Indaial recebe exemplares do livro “Família Tafner: surgimento e trajetória, na Europa e no Brasil”

20170330_154948

O prefeito de Indaial, André Moser, e o vice-prefeito, Zelir Nezi, receberam no Gabinete a visita de Olivio Tafner, um dos autores do livro “Família Tafner: surgimento e trajetória, na Europa e no Brasil”. Na oportunidade, Tafner veio entregar pessoalmente um exemplar da publicação ao prefeito e vice-prefeito. A visita foi acompanhada pelo historiador da Fundação Indaialense de Cultura (FIC), Luiz Claudio Altenburg.

O livro, além de tratar da história e genealogia da família Tafner, aborda as histórias da região trentina, da imigração para a América e a colonização trentina da então colônia Blumenau. Um exemplar da publicação também foi doado para o acervo do Arquivo Histórico Municipal Theobaldo da Costa Jamundá e para a Biblioteca Pública Municipal.

Sobre o livro

O livro “Família Tafner: surgimento e trajetória, na Europa e no Brasil” foi lançado em março deste ano. Os autores são Maria Antonietta Bellato Tafner, de Trento, na Itália; Olívio Taffner, de Rio dos Cedros e Andrey José Taffner Fraga, de Blumenau. O livro foi patrocinado pelo professor José Tafner e prefaciado por Alberto Tafner, atual presidente da Associazione Trentini nel Mondo, com sede em Trento.

A publicação é resultado de muitos anos de estudos. Tudo começou em 1995, em Trento, na Itália, quando Maria Antonietta Bellato Tafner realizou a primeira pesquisa sobre as origens da família Tafner. Na noite em que celebrou Bodas de Prata com seu esposo, Alberto Tafner, ela apresentou à família a compilação de seus estudos. Com esse trabalho, pela primeira vez a história da família Tafner ficava registrada.

Também na década de 1990, descendentes de imigrantes da família Tafner iniciaram as pesquisas no Brasil. O professor José Tafner foi o primeiro. Estabeleceu contato com Antonietta Tafner e demais membros da família em Trento e pesquisou a história e genealogia de Giovanni Tafner, seu avô, filho do imigrante Angelo Tafner, o patriarca da família Tafner em Santa Catarina.

De outro lado, Olívio Taffner, também na década de 1990, pesquisou a história e genealogia de Guglielmo Tafner, seu avô, igualmente filho do imigrante Angelo Tafner. Anos mais tarde, Andrey José Taffner Fraga também iniciou seus trabalhos de coleta de dados genealógicos e históricos para composição do livro.

Dessa forma, a história da família Tafner foi escrita. Tudo o que consta no livro é resultado de muitos anos de apurada pesquisa; consulta a arquivos, bibliotecas e cartórios; conversas e entrevistas com familiares.

Nesse livro, o leitor encontrará toda a história e trajetória da família Tafner em solo europeu. Começará pelos primórdios da história trentina, passando pelos alpes alemães até os italianos. Será explicado como a família ganhou esse sobrenome (Tafner, originalmente escrito Taufner) no “Val dei Mocheni”, pequeno vale de população de origem alemã dentro da Província de Trento, nos idos de 1300. Depois serão abordadas as migrações da família, dentro da Província de Trento, e, por fim, a imigração definitiva de alguns de seus membros para o Brasil e para os Estados Unidos. A última parte do livro trata da biografia de Angelo Tafner, imigrante da família e patriarca dos Tafner em Santa Catarina, bem como da genealogia de seu primogênito, Guglielmo Tafner (a história e genealogia de Giovanni Tafner, outro filho de Angelo, serão contadas em um segundo livro).

Assim, a trajetória da família Tafner fica registrada para toda a posteridade, para que ela não caia no esquecimento e para que os vários exemplos de luta e superação sirvam de exemplo para a geração presente e para as futuras. Esse livro pode ser encontrado nas bibliotecas e arquivos públicos/históricos das cidades do Médio Vale.

Graciely Guesser Ramos

Pin It