Defesa Civil vai instalar 20 centros regionais em Santa Catarina

A Defesa Civil de Santa Catarina vai implantar um novo sistema de proteção e defesa ao cidadão. Para isso, serão construídos 20 Centros Regionais de Treinamento, Operação e Sala de Situação em Santa Cataria até 2017. As estruturas serão instaladas nos municípios-sede dos coordenadores regionais da Defesa Civil de SC. Em Florianópolis, o centro ficará junto ao Centro Integrado de Gestão de Riscos e Desastres (Cigerd), que já está em construção. Todos os centros estarão interligados ao Cigerd.

Os centros regionais servirão de abrigo para os coordenadores de cada região no estado. Ainda vão conter uma sala de situação com tecnologia e agilidade no repasse de dados para a base, em Florianópolis, inclusive com reuniões por videoconferência. De acordo com o secretário de Estado da Defesa Civil, Rodrigo Moratelli, durante um desastre natural, a estrutura possibilitará espaço adequado para gestão do evento em andamento. “Autoridades vão se concentrar no local para definir ações e estratégias durante a operação, além de desenvolver os planos emergenciais e protocolos de operação”, diz. A intenção é que todos os centros regionais estejam prontos até maio de 2017, quando o Cigerd também estará operando na Capital.

Visita no Oeste

Na quinta-feira, 30, e sexta-feira, 1, o secretário de Estado de Defesa Civil, Rodrigo Moratelli, fez uma visita técnica às possíveis áreas de instalação dos centros regionais. A vistoria ocorreu em São Miguel do Oeste, Maravilha, Chapecó e Xanxerê. Em Chapecó, o local definido será a mesma área do radar meteorológico do Oeste. Já nos outros municípios, as áreas serão analisadas em Florianópolis com a equipe para definição do melhor lugar.

Conforme o gerente de Operações e Assistência Humanitária, Alexandre Sampaio, todos os terrenos ofertados são bons. “Agora, vamos avaliar tecnicamente para escolher o local mais adequado”, destacou. Para ele, a ideia é tornar a Defesa Civil uma referência nas ações de resposta e treinamento da comunidade, principalmente nas ações preventivas.

visita chapeco
Visita a Chapecó. Foto: Cleiton Ferrasso/ Ascom SDC

Cleiton Ferrasso

Pin It