Pela primeira vez atletas paralímpicos conseguem ouvir suas medalhas

sub-buzz-8017-1473693825-1

Este aí em cima é o nadador Bradley Snyder ouvindo a medalha de ouro.

Um post da página oficial da Olimpíada no Facebook explica que, pela primeira vez, as medalhas têm esferas ou guizos dentro delas para emitir sons.

Um post da página oficial da Olimpíada no Facebook explica que, pela primeira vez, as medalhas têm esferas ou guizos dentro delas para emitir sons.

Buda Mendes / Getty Images

O nadador brasileiro Matheus Souza está feliz da vida enquanto ouve e sente o som da medalha de bronze.

As medalhas de ouro têm 28 pequenos guizos de aço, a de prata 20 e a de bronze 18. A ideia é que os atletas com deficiência visual consigam ter uma experiência sensorial.

As medalhas de ouro têm 28 pequenos guizos de aço, a de prata 20 e a de bronze 18. A ideia é que os atletas com deficiência visual consigam ter uma experiência sensorial.

Friedemann Vogel / Getty Images

A nadadora australiana Ellie Cole ouve o som da medalha de prata.

As medalhas também vêm com “Rio 2016 Paralympic Games” escrito em braile.

As medalhas também vêm com "Rio 2016 Paralympic Games" escrito em braile.

Buda Mendes / Getty Images

A nadadora Amy Marren, da Grã-Bretanha, sente a medalha de bronze.

Este vídeo do canal Brasil 2016 mostra como a casa da moeda fez as medalhas Olimpícas e Paralímpicas e como eles colocam os guizos dentro das medalhas.

Vale lembrar que os atletas olímpicos também ganham um mascote Tom, com o cabelo das cores da medalha.

Friedemann Vogel / Getty Images

Após ganhar os 100m nado costas, a neozelandesa Mary Fisher ouve a medalha de ouro ao lado do seu Tom com cabelos da mesma cor.

Abaixo a brasileira Veronica Hipolito feliz da vida com sua medalha de prata e um Tom com cabelos prateados.

Abaixo a brasileira Veronica Hipolito feliz da vida com sua medalha de prata e um Tom com cabelos prateados.

Alexandre Loureiro / Getty Images

Ela ficou em segundo lugar nos 100m rasos.

Buzz Feed

Pin It